fbpx

Módulos de Controle de Grupos Geradores.

PRODUTOS

A grande maioria dos motores a Diesel e Gás, especialmente os que são aplicados em Grupos Geradores, são dotados de um dispositivo de controle (módulos) cuja função é partir e parar os equipamentos quando solicitados. Estes módulos possuem diversas características, como funções de monitoramento de alarmes e acionamentos de trip de segurança para evitar que o Grupo Gerador danifique algum equipamento interno ou cause algum dano aos equipamentos instalados na linha de alimentação de carga.

A Megagen comercializa os seguintes módulos controladores:

O controlador ATS é um equipamento projetado para monitorar a rede AC caso haja falha ou desequilíbrio, ele encaminha um comando de partida para o Grupo Gerador e controla as contatoras de alimentação.

O controlador MRS é um equipamento projetado para monitorar grandezas elétricas do Grupo Gerador e indicar falha ou desequilíbrio. Ele possui funções de partida e parada para o Grupo Gerador, oferecendo grande variedade de configurações para os usuários.

O controlador AMF é um equipamento projetado para monitorar a rede concessionária. Caso exista falha ou desequilíbrio, ele encaminha a função de partida para o Grupo Gerador e controla as contatoras de alimentação. Este equipamento agrega as funções de transferência automática de falha de rede e de monitoramento das grandezas elétricas do Grupo Gerador, além de possuir recursos para trabalhar com sistemas de injeção eletrônica e gerenciamento online via WEB.

O controlador para Paralelismo de Grupos Geradores com concessionária (RAMPA) é um equipamento projetado para realizar o paralelismo entre Grupo Gerador e concessionária de modo progressivo e sem interrupção em horários programados. Projetado principalmente para utilização nos horários de ponta, quando o custo da energia gerada pelo Grupo Gerador é menor que o custo da energia ofertada pela concessionária.

O controlador para paralelismo entre Grupos Geradores é um equipamento projetado para realizar o paralelismo entre dois ou mais Grupos Geradores, aumentando a potência disponível através da soma da potência individual de cada equipamento. Ele é útil em situações em que o cliente já possui um equipamento instalado, mas que não suporta a carga instalada. Ou seja, o cliente não precisa trocar o equipamento por um de maior potência; apenas complementar com outro equipamento que com as somas potências instaladas suportem sua demanda.

REGIÕES DE ATENDIMENTOS